Mamma Vendetta nasceu livre, livre de conceitos ou direções pré-estabelecidas, somente a idéia de juntar o melhor da música e todos as formas de expressão artística ou manifestos ligados ao mundo independente. Mamma Vendetta é muito mais que uma agência de shows, funciona como uma verdadeira comunidade que agora coloca os pés para fora do gueto numa tentativa de mostrar ao mundo a variedade e atitude da arte independente elevando-a a outro nível. A família Vendetta iniciou suas atividades em 2009 trazendo alguns dos mais criativos e excitantes artistas da cena atual.

Mamma Vendeta é sobre musica para amantes da musica, é sobre cinema para os amantes de cinema e sobre verdade para aqueles que sabem conviver com ela. Para aqueles que procuram por algo que seja diferente de sua própria rotina, inquietos por novidades, não existe o tradicional quando o assunto é arte, não existe espaço para valores tradicionais, a arte sempre esteve aqui, mas continuamente em mutação.


Fazem parte da família:

Human Trash
The Blackneedles
Bloody Mary Una Chica Band
Damn Laser Vampires
The Dealers
The Biggs
The Dead Rocks
The Fabulous Go-Go Boy from Alabama
O Lendário Chucrobillyman
The Backseat Drivers
Vermes do Limbo
Hitman One Man Band
Dead Elvis and his Onegrave Band (Disgraceland)
Amazing Oneman Band (Uruguai)
Johnny Walker (US)
The Jam Messengers (US + Brasil)
Hugo Race (Austrália)
Two Tears (EUA)
The Solid Soul Disciples (Brasil e UK) (Brasil + UK)
Black Mekon (UK)
Swampmeat (UK)
Copter (UK)



Com esse time, Mamma Vendetta procura o intercâmbio entre bandas e a sua interação com o público de diferentes lugares e culturas, o que tem ocorrido com turnês dos artistas envolvidos no projeto.

MAMMA VENDETTA E COLDRICE ESTAO UNIDOS PELA NET, NOSSO CONTEUDO TAMBEM ESTA EM WWW.COLDRICE.COM

PARA RECEBER NOSSA PROGRAMAÇAO MANDE EMAIL PARA: contatomammavendetta@gmail.com

18 de fev de 2009

THE UNCLE BUTCHER AND HIS ONEMAN BAND


Nascido na década de 60 e criado em meio à fúria punk da cidade de São Paulo, Marco Butcher AKA Uncle Butcher tem feito parte da cena musical nos últimos 30 anos! Sempre envolvido com os guetos da música independente, seja ela punk, blues, garage, jazz ou experimental.
Pinups, Thee Butchers Orchestra, The Wedding Swingers, Red Meat, The Boogie Snakes, Royal Ass Shakers, The Jam Messengers, The Vendetta Brothers, Crowking and the Hardfingers e Uncle Butcher and His Oneman Band são apenas uma pequena amostra do repertório desse maníaco pelo caos, a demência e a insanidade da música rock primitiva. Com discos lançados por selos como Estrus Records (USA), No Fun Records (USA), Voodoo Rhythm Records (Suíça), Squoodge ( Áustria), Ordinary Recordings (BR), Short Records (BR), Monstro Discos (BR), 13 Records (BR) , Laja Records (BR) , Grovie Records (PT) e Rastrillo Records (BA), Marco parece nunca se cansar ou mesmo tirar o pé do acelerador. É fácil encontrar posters e notas sobre tours e shows no lugares mais bizarros do mundo falando sobre o músico.
Sob a alcunha de Uncle Butcher, Marco tem se apresentado ao vivo na forma de one man band, o que tem feito nos últimos anos em cada club e buraco que tenha energia elétrica ou interesse em musica trash. São beats dançantes e muito simples que levam o expectador a uma espécie de catarse blues on speed, sujo, violento e com o volume no talo, é assim que costumam ser as apresentações desse maluco profissional.
Vindo de uma escola de musica punk e misturando a isso uma carga do delta blues, Marco Butcher parece andar sempre entre dois mundos diferentes: o de amores e crimes e o da urgência das grandes cidades, mixando isso em um liquidificador trash que só faz de sua música algo ainda mais inesperado.
Para o ano de 2009, Uncle Butcher prepara um disco novo que deve levar o nome de Great Bolied Chicken que deverá ser gravado em Buenos Aires, sob a batuta do maestro Juan Cabrea, que já trabalhou com Marco na produção de seu primeiro álbum: Down Sounth, junto ao produtor Brasileiro Clayton Martin, também responsável pelas gaitas e backing vocals do disco.

www.myspace.com/theunclebutcher

Nenhum comentário:

Postar um comentário